Juniper Networks utiliza reciclado de lixo plástico marinho

Material é aprovado para suportes protetores de sistema de segurança de firewall

O ecomarketing nas pegadas da economia circular revela intrigante afinidade com aquela lei de Murphy: toda partícula que voa sempre encontra um olho aberto. É o que se depreende de uma investida da californiana Juniper Networks, fera em soluções digitais de segurança, controle e identificação: o alardeado emprego de suportes protetores com reciclado advindo de lixo plástico marinho, material termoformado pela Reflex Packaging. Os suportes prateados ganham destaque no envio do sistema de segurança de firewall SRX4600 da Juniper. Segundo declarou à imprensa Forrest Smith, presidente da Reflex, “termoformar uma peça usando este material reciclado equivale a tentar soprar uma bolha com chiclete antigo. Mas ter quase duas décadas de experiência na concepção de peças para utilizar resina recuperada nos ajudou a lidar com as falhas da matéria-prima que foi submetida aos elementos naturais”.