Trocando em graúdos

Mercado do Sul é a viga mestra do novo Grupo Nova Trigo

Em apenas oito anos de ativa, a musculatura da Nova Trigo no comércio de plásticos nobres bombou a ponto de transfigurar sua fisionomia. Afinal, ela acaba de trocar o perfil de uma revendedora pelo de uma corporação. “Estamos constituindo o Grupo Nova Trigo e essa nova formação deve, numa estimativa conservadora, proporcionar crescimento de 30-40% no volume de vendas e faturamento já no primeiro ano de operação regular, com apoio numa carteira total com mais de 800 clientes cadastrados”, sustenta o presidente Sandro Trigo. A cereja foi posta no bolo em 24 de julho último, quando Trigo oficializou a compra do controle total de uma importadora de resinas, a catarinense Plastimagem. No início do ano, ele adquirira a participação societária

Conteúdo restrito a assinantes e cadastrados.

Se você já é usuário, faça login.
Novos usuários podem se cadastrar abaixo gratuitamente.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório
COMPARTILHAR
Matéria anteriorRoupa nova
Próxima matériaVem aí o efeito dominó