Sombrero de PE

Alfredo Schmitt é o primeiro transformador brasileiro atraído ao México pela Braskem Idesa

536
Com partida programada para a segunda metade de dezembro, a Braskem Idesa também determina os preparativos para a estreia da vizinha FFS Mexicana. Sua unidade é a fornecedora de sacaria lisa para o complexo de polietileno (PE) erguido no estado de Veracruz, na boca do Golfo. Além da exclusividade nesse suprimento, a indústria sobressai por ser o primeiro investimento da transformação brasileira atraído pelo maior empreendimento em petroquímica da história do México. Nessa batida, a FFS Mexicana apressa o passo para dar início à sua operação em janeiro próximo, exibindo capacidade instalada de 600 t/mês de sacos de PE de alta e baixa densidade (PEAD/PEBD), informa Alfredo Schmitt, sócio da nova transformadora. Com essa investida no exterior, ele complementa, de

Conteúdo restrito a assinantes e cadastrados.

Se você já é usuário, faça login.
Novos usuários podem se cadastrar abaixo gratuitamente.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório