Polimark aprimora identificação de PET na reciclagem

Foco dos marcadores químicos é o reuso do poliéster em embalagens de alimentos

À frente do projeto há três anos em campo, um conjunto de empresas e entidades europeias cognominado Polimark Consortium trombeteia os resultados preliminares de um desenvolvimento transcorrido sem alarde: marcadores químicos para identificação de refugos de PET. O objetivo é aprimorar em recicladoras a etapa de distinguir o poliéster proveniente de embalagens de contato humano da resina originária de recipientes fora dessa categoria. Conforme foi anunciado, os marcadores, resultantes de pesquisa bancada por fundo gerido pela comunidade europeia, convergem com os propósitos da regulamentação do mercado unificado relativa ao uso de PET reciclado em embalagens de alimentos. O consórcio desenvolveu um protótipo de marcador fluorescente base água e sensível a UV. Aplicado por coating através de spray, pode ser removido pelo sistema de lavagem alcalina em uso em instalações de reciclagem. Nos próximos 18 meses, o desenvolvimento da Polimark será submetido a ensaios em escala industrial e, caso as expectativas se confirmem, seus potenciais usuários passarão por treinamentos e workshops para se familiarizar com as peculiaridades e emprego desse novo método de identificação de PET.

Sem comentários

Leave a Reply