O saldo das mudanças

Em cinco anos, a Abiplast tirou a transformação do limbo

José Ricardo Roriz Coelho
A Associação Brasileira da Indústria do Plástico (Abiplast) reorientou sua estratégia, nesses últimos anos, para assumir maior protagonismo nas discussões de interesse da indústria plástica e de reciclagem junto ao Governo, instituições, associações de classe e aos órgãos de representação industrial brasileiro. Foi criada uma sistemática de encontros periódicos com esses agentes, pela qual foi reforçada a importância do setor na economia brasileira e a discussão de uma agenda de trabalho propositiva, em prol da competitividade da cadeia plástica. A importância do setor plástico na economia é, cada vez mais, compreendida por toda a sociedade, sejam consumidores, técnicos e instâncias políticas. O reflexo disso é que a Abiplast tornou-se referência para consultas sobre o setor de transformados plásticos no Brasil e na América Latina. Ao longo desses cinco anos, a entidade se fez mais presente nos debates sobre os rumos da política industrial, participando das discussões sobre o Plano Brasil Maior como integrante de seus diversos conselhos de competitividade. Vale o mesmo em relação a parceiros como a a Associação Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio (MDIC). Nessas ocasiões, a Abiplast sempre defendeu que uma política industrial eficiente deve ser pensada de forma sistêmica, integrando e distribuindo ganhos, eficiências e produtividade ao longo das cadeias de valor. É com essa visão que construímos uma agenda de competitividade. Ela prima pela calibração adequada entre política industrial e instrumentos de defesa comercial em favor da efetiva promoção

 

Para continuar lendo cadastre-se gratuitamente.

Conteúdo restrito a assinantes e cadastrados.
Se você já é usuário, faça login.
Novos usuários podem se cadastrar abaixo.

 

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório