Meio ambiente: a cobertura controversa dos canudos plásticos

Plásticos em Revista apresenta a visão de uma parte esnobada pelo noticiário: o fabricante do canudo

Principal revista semanal brasileira, Veja destaca na edição de 28 de fevereiro último (nº 2571) , com direito a chamada de capa, uma reportagem sobre os canudos de plásticos alçados a vilões do meio ambiente. A matéria segue o figurino de praxe na grande imprensa  focalizando o cenário com base em números de grandiloquência global, depoimentos de ambientalistas internacionais e, no caso específico do artigo de Veja, a ênfase dada aos Estados Unidos como o maior mercado mundial de canudos plásticos, uma dedução aliás óbvia no gênero. A reportagem nada menciona sobre o consumo no Brasil e ignora o ponto de vista da outra parte envolvida na pauta, os fabricantes dos canudos, privando assim o leitor de uma noção completa e imparcial da questão. Para quem tem curiosidade em saber o que pensa a respeito a indústria de canudos plásticos, a nova edição de Plásticos em Revista (já disponível em versão digital) oferece uma alternativa. A seção Sustentabilidade é ocupada pelo artigo “Em busca da Geni ambiental”, escrito por Valney Aparecido, gerente comercial da transformadora paulista Plastifer, fabricante dos canudos da marca Bicão.