Isso podia acabar

Pesquisa mostra perdas inadmissíveis de alimentos no varejo

As perdas de comida no varejo do Brasil, Argentina e México equivalem ao dobro do registrado nos EUA. O déficit é mais constrangedor se considerado o contingente de 47 milhões de latino americanos que, atesta a ONU, hoje passam fome. Esse contrassenso aflora de pesquisa tirada do forno pela Sealed Air, cânone norte-americano de embalagens plásticas, intitulada “Soluções para reduzir o desperdício de alimentos no varejo da América Latina”. De acordo com esse pente-fino, 15% dos alimentos disponíveis na região viram refugo a cada ano. Desse indicador, 28% são descartados na produção; 22% manuseio e armazenamento, 17% na distribuição e 6% no processamento. Tem mais: 5% da receita doméstica das famílias latino-americanas é gasta com comida atirada ao lixo. A

Conteúdo restrito a assinantes e cadastrados.

Se você já é usuário, faça login.
Novos usuários podem se cadastrar abaixo gratuitamente.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório
COMPARTILHAR
Matéria anteriorRáfia presa no cimento
Próxima matériaOs prazeres da carne