FDA libera PS reciclado para embalagens de alimentos

Polímero recuperado pela Aaron Industries passa pelo crivo da agência regulatória

iogurteA  fila anda. Depois de PET e polioefinas, é a vez de poliestireno (PS)  reciclado  sobressair no noticiário pelo passe livre dado nos EUA a seu uso direto em  recipientes de alimentos e talheres. A luz verde acendeu com a carta na qual a agência regulatória norte-americana Food and Drug Administration (FDA) declara não fazer objeções ao emprego polímero estirênico reciclado pela empresa Aaron Industries Corp., atuante na recuperação e distribuição de termoplásticos, na produção de descartáveis, embalagens one way e artigos para contato com alimentos. Em teores de até 100% de material reciclado, os grades de PS da Aaron ganharão a praça sob o codinome  ARPS-100-2FDA e, sem abrir pormenores tecnológicos do processo, a recicladora informa trabalhar tanto com OS pós consumo como com aparas de primeira moagem . No Brasil, a Agência Vigilância Sanitária (Anvisa), prossegue irredutível em seu veto ao uso de reciclados, exceto PET bottle to bottle, em contato direto com alimentos.

Sem comentários

Leave a Reply