Esse complexo dá complexo

Braskem Idesa sobe no pedestal da Engenharia Industrial

587
Os superlativos estão em casa no complexo petroquímico da Braskem Idesa. Erguido ao longo de quatro anos em Nanchital, no estado mexicano de Veracruz, o empreendimento brotou de um consórcio liderado pela Odebrecht Engenharia & Construção Internacional e completado pela mexicana Ica Fluor e a italiana Tecnip. Sua implantação e operação demandaram contratos de financiamento orçados em US$ 3,2 bi e uma engenharia burilada com conhecimentos colhidos no Brasil, EUA, Itália, França, Índia, Colômbia e México. Concluída sem os atrasos tão corriqueiros nos cronogramas da construção pesada brasileira, a obra é enaltecida pelos porta-vozes da Braskem Idesa como o estado da arte no gênero, seja em termos de concepção ou de tecnologia. Levita: 17.055 funcionários no pico da obra. E

Conteúdo restrito a assinantes e cadastrados.

Se você já é usuário, faça login.
Novos usuários podem se cadastrar abaixo gratuitamente.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório
COMPARTILHAR
Matéria anteriorCartão vermelho para a mesmice
Próxima matériaNo rumo certo