Dia virá

Tubos corrugados perseguem um futuro melhor na infraestrutura

554
Costa: combate ao conservadorismo do mercado.
Costa: combate ao conservadorismo do mercado. À época da ditadura militar, a música popular brasileira andava inundada de composições sob a temática do “dia virá”, ou seja, a fé de que o futuro melhor acabaria chegando, mais hora menos hora. É esse o estado de espírito que emana do segmento de tubos plásticos corrugados de grande diâmetro, voltados para drenagem e redes de esgoto. Até hoje não deslancharam por motivos que vão da tragédia crônica da infraestrutura nacional à luta para convencer os especificadores da construção civil a respeito da superioridade de seus atributos sobre tubos concorrentes. Mas mesmo essa frustração acumulada há décadas não consegue levar esse reduto de polietileno de alta densidade (PEAD), a resina dominante nesses tubos

Conteúdo restrito a assinantes e cadastrados.

Se você já é usuário, faça login.
Novos usuários podem se cadastrar abaixo gratuitamente.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório
COMPARTILHAR
Matéria anteriorConcorrência predatória
Próxima matériaA lanterna apagou