Deitados em berço esplêndido

Não falta competência para sair dessa. Falta é vontade.

Carlos Alberto Lopes, sócio da consultoria ChemVision, anda fazendo uma enquete informal entre as cabeças coroadas do setor químico/petroquímico nacional. Ela consta de uma pergunta: se o Brasil não tivesse polo algum, você investiria hoje nessa indústria ? A resposta ouvida tem sido taxativa e unânime: NÃO. Luis Stuhlberger tem

Conteúdo restrito a assinantes e cadastrados.

Se você já é usuário, faça login.
Novos usuários podem se cadastrar abaixo gratuitamente.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório

VEJA +