Cinemark garante bilheteria com pipoca

O sucesso econômico e sustentável do balde reutilizável

Tal como mexerico está para o Facebook, filme pede pipoca. Com esse cordão umbilical em mente, a filial chilena da rede norte-americana de cinemas Cinemark descobriu os préstimos do plástico como ímã para a bilheteria. A sacada para recompensar clientes fidelizados foi  a instituição do balde reutilizável de pipoca. Injetado em polipropileno pela transformadora Fosko, o recipiente substitui a versão descartável cartonada e ostenta rótulo in mold label. A proposta, de aura sustentável, é estimular o consumidor a levar o balde para a casa e trazê-lo para o reenvase de pipoca na próxima visita ao estabelecimento da Cinemark. O balde ostenta  um bônus no rótulo: três cupons  removíveis de desconto na compra de pipoca para uso nas três idas seguintes do usuário ao cinema. O sucesso da promoção, dão a entender porta vozes da Cinemark, é equiparável ao de um blockbuster.