quarta-feira, 22 novembro, 2017

O futuro começa a circular

Uma revolução a caminho na economia e no mercado vai gerar ganhadores e perdedores no setor plástico

Quem não planta não colhe

Com a crise, muitos jovens não conseguem trabalho em indústrias porque elas exigem experiência dos candidatos. Ao ingressar no seu primeiro emprego em transformadoras...

Ele não vai pregar susto

Trump não deve abalar a petroquímica norte-americana, confia consultor

Camaleões ambientalistas

Vou abrir com uma pergunta para os universitários. Como distinguir, entre as indústrias usuárias de PET reciclado, o genuíno compromisso com o desenvolvimento sustentável...

Pedaladas verdes

Na capital de São Paulo, a cobrança das sacolas de saída de caixa é permitida, sem cunho obrigatório. Mas apenas as grandes redes de...

As mãos longe da graxa

A falta de mão de obra jovem qualificada para o setor plástico vem aumentando. O desinteresse está se intensificando pelos efeitos da recessão junto...

O bumerangue sempre volta

O Brasil não dispõe, infelizmente, de uma política que fomente de forma saudável a modernização de nossa indústria e, para completar, reage à concorrência...

Indústria 4.0 não pode ser novo 7 x 1

Em setembro de 2015, durante o já tradicional seminário “Competitividade: O Futuro Perfil da Transformação Brasileira de Plásticos” fizemos um debate sobre como a...

A leitura das marés

A distribuição de resinas é um termômetro extraoficial do pesadelo da economia...

À beira do coma induzido

A indústria nacional de máquinas para plástico respira pelos aparelhos