A cor da satisfação

Componedores afiam atendimento para reter clientes mais preparados e assediados

Em prevista reprise de 2015, o balanço de 2016 do setor de produtos de higiene e beleza, perfumaria e cosméticos levou bordoada com queda de -4,2% no volume de venda e de -6% no faturamento, já avermelhado em -9% no tétrico exercício anterior. A subida do desemprego, a sobrecarga tributária

Conteúdo restrito a assinantes e cadastrados.

Se você já é usuário, faça login.
Novos usuários podem se cadastrar abaixo.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório

VEJA +