A Argentina vira a página

Governo Macri prepara o país para voltar a atrair investimentos

1054
Sica: retomada exige medidas setoriais. Autocrítica é o primeiro passo para uma correção de rumos e o governo de Maurício Macri, ao contrário da era Kirchner, começou fazendo muito bem para a Argentina ao respeitar esta cláusula pétrea da psicologia e economia. “A nova administração pôs em marcha um programa baseado em dois eixos: reordenar uma macro economia muito desequilibrada e reimpulsionar o crescimento sustentado cujos motores sejam o investimento e a exportação e não, como na década anterior, o consumo e o gasto público”, esclarece em entrevista exclusiva o economista Dante Sica, sócio fundador da respeitada consultoria portenha Abeceb, ex-Secretário da Indústria, Comércio e Mineração da Argentina e, entre outros encargos atuais, é assessor da Federação das Indústrias do

Conteúdo restrito a assinantes e cadastrados.

Se você já é usuário, faça login.
Novos usuários podem se cadastrar abaixo gratuitamente.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório